O que é o Catálogo Padrão do Papel Moeda Mundial?

O catálogo padrão de papel-moeda mundial é um guia ilustrado abrangente para notas de papel. Esta publicação em três volumes é mais comumente usada por colecionadores. O catálogo contém a moeda em papel de centenas de nações, do Afeganistão ao Zimbábue. Cada entrada contém fotografias da frente e do verso de cada fatura, identificando informações, valor atual de mercado e uma série de apêndices.

O catálogo está organizado em ordem alfabética por país de origem. Além das fotografias da frente e de trás das notas, cada entrada possui um código de identificação e denominação, nome da impressora e informações de avaliação. Os apêndices contêm informações gerais de referência, incluindo tabelas de câmbio, identificação bancária e números internacionais. Há também uma extensa galeria de cores de contas selecionadas. Dois índices organizam as contas por país, emissor e banco.

A moeda é classificada principalmente de acordo com sua condição no catálogo padrão de papel-moeda mundial. As categorias para contas modernas incluem muito boa, muito boa e sem circulação. As contas mais antigas são classificadas como boas, boas ou extremamente finas. O valor também é determinado com base na disponibilidade da fatura no mercado, nos recursos do design de uma determinada emissão e no banco emissor.

Publicado originalmente em 1975, as primeiras edições do catálogo padrão de papel-moeda mundial foram compiladas por Alfred Pick. Ele criou um sistema alfanumérico de codificar cada nota que ainda está em uso hoje. Em reconhecimento à sua contribuição, a publicação é geralmente chamada de Catálogos de Escolha. A publicação de Krause assumiu a produção do catálogo em 1994.

O sistema de codificação alfanumérica da Pick fornece informações básicas sobre cada fatura. Cada código começa com um prefixo de letra maiúscula e é seguido por um número. Ocasionalmente, uma letra minúscula segue o número para fornecer uma identificação adicional. A parte da primeira letra do código indica a série da nota fiscal, os números indicam a data e a denominação da série e as letras minúsculas identificam ainda qualquer variação da nota fiscal em questão.

Além dos livros, há também uma versão em CD-ROM disponível separadamente do catálogo padrão de papel-moeda mundial. Consiste em páginas em PDF das entradas nos livros. Esse formato pode ser útil para colecionadores, pois permite que o visualizador aumente o zoom nas páginas para ver mais detalhes e pesquisar códigos e frases no PDF. Também é possível imprimir páginas separadas do CD-ROM – um recurso especialmente útil para colecionadores que desejam levar informações junto a eventos de negociação.